Corpo e mente em equilíbrio

0
435

EU MORO NO URBANOVA

Corpo e mente

Mantendo o equilíbrio

Clarissa Passos

(Janeiro de 2016)


IMAGEM PARA SITEA cativante médica gastroenterologista Fabiana Alves é casada com o Ricardo Rulli, engenheiro da Embraer, mãe da Ana Flavia e do Caio, é praticante de yoga e moradora do Urbanova há 9 anos.

Por que escolheu ser médica?

Sempre gostei de cuidar de pessoas. Optei pela especialidade de gastroenterologia pelo vasto campo de doenças e conhecimento sobre manutenção da saúde que eu poderia me aprofundar, tanto na prevenção como no tratamento e na cura.

O que gosta do Urbanova?

Escolhemos o Urbanova por ser um lugar calmo, afastado e com muita área verde. Meus filhos adoram poder andar na rua, de bicicleta, skate, carrinho de rolimã, ir a piscina quando quiser e poder ficar até tarde.

Muitas coisas nos emocionam por aqui, como um casal de tucanos e maritacas que viviam em nosso jardim, poder ver um tucano em nossa varanda e até um tatu atravessando a rua principal.

Como o yoga entrou em sua vida?

O yoga é um conceito de filosofia, que trabalha o corpo e a mente. E eu a acho uma atividade completa pois trabalha a respiração, a consciência do corpo, alonga os músculos, a coluna e ajuda na meditação. Comecei a praticar em 2010 com uma professora na modalidade Iyengar e hoje faço em casa. Inclusive indico para pacientes ansiosos e agitados.

Do que trata a gastroenterologia?

A gastroenterologia é a especialidade clínica que trata as doenças do aparelho digestivo, como a boca, faringe, esôfago, estômago, intestino delgado e grosso, reto, anus, fígado, vesícula e pâncreas.

O que indica para termos um bom funcionamento digestivo?

A digestão é muito importante para a manutenção da nossa saúde. Somos o que comemos e a saúde entra realmente pela boca.

Aconselho tomar meio limão espremido em um copo de água em jejum pela manhã pois diminui a acidez do estômago, alcaliniza e ajuda a digestão posterior.  Ao contrário do que se pensa, o limão nessa dose é benéfico.

O ideal é tomar um farto café da manhã. É importante comer uma fruta, café com leite ou suco, pão com maior número de fibras, como os integrais, iogurte, queijo, granola, entre outros.

No almoço é bom dividir o prato na metade e colocar nele variados legumes e verduras cozidos ou crus, e a outra metade dividir o arroz, batata ou macarrão e feijão com a carne, frango ou peixe. Não repetir e parar antes de se sentir saciado. Mastigar vagarosamente, comer olhando para o prato, sem distrações, sentindo o cheiro e gosto do alimento.

É recomendável jantar para não ficar muito tempo com o estomago vazio. Comer a metade do almoço, evitar gorduras e frituras. E se alimentar pelo menos 3h antes de deitar para dormir.

Diminuir a ingestão de sal e evitar o açúcar branco. Optar por açucares como demerara e mascavo, pois, passam por menos processos químicos.

Foto: Clarissa Passos
Foto: Clarissa Passos

O que é mais importante para vivermos com saúde física e emocional?

Devemos comer de tudo um pouco para termos acesso a todos os grupos alimentares, como as proteínas, carboidratos e vitaminas. Ter atenção à saúde mental com momentos de lazer e gerenciamento do stress através de atividades prazerosas como conviver com amigos, fazer exercícios físicos, meditar e ter um hobby.

Priorizar o bem estar físico e mental, respeitar as próprias limitações, viver novas experiências como aprender a dançar ou conhecer um local que nunca conheceu. Pensar em longevidade com qualidade de vida para poder aproveita-la satisfatoriamente.

 

 

A digestão é muito importante para a manutenção da nossa saúde.

O stress provoca aumento da acidez estomacal podendo causar doenças graves como úlceras que são feridas no estômago.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here