Gestante pode fazer exercício físico?

0
161
Elisa-Prits-pilates

Por Elisa Prits 

Vida saudável, alimentação regrada, exercícios regulares… tudo isso esta na mídia e hoje, cada vez mais, as informações chegam ao público com facilidade e qualidade.

Hoje falaremos de uma fase maravilhosa da vida, onde as mulheres se transformam física e mentalmente, gerando uma nova vida: a gestação.

Como profissional da área sempre me preocupei em estudar e entender com o corpo funciona nesta etapa, e trago algumas informações importantes que devem ser consideradas.

Primeiro de tudo: somente o médico obstetra pode liberar a gestante para se exercitar. Ele ira avaliar quadros como histórico da paciente, pressão arterial, placenta “baixa” ou com descolamento, açúcar no sangue e outros fatores que podem impossibilitar a mulher de praticar atividades na gestação. Tendo o OK do obstetra… a gestante deve procurar  orientação adequada de profissionais de educação física qualificados para orientação. Então, vamos à etapas:

PRIMEIRO TRIMESTRE (1 a 12 semanas)

Todo cuidado é pouco. Nesta fase a mulher sente muito sono, fome e enjoos – em intensidades diferentes, todas passam por esses ter itens.

É o momento mais delicado da gestação, onde há grande risco de descolamento de placenta e abortos naturais. Então, nessa hora o ideal é agir de maneira conservadora: caminhadas leves são bem vindas, exercícios de alongamento e força em baixa intensidade são recomendados e as sessões de treino podem durar de 20 a 50 minutos.

No terceiro mês atividades como hidroginástica e natação já são recomendadas, desde que respeitem a intensidade baixa a moderada.

Lembrando que o repouso pós- exercício é primordial.

 SEGUNDO TRIMESTRE (13 A 26 semanas)

Passado o tormento das 12 semanas iniciais agora vem a parte boa. A barriga tem um certo volume, mas ainda permite diversos tipos de exercícios: pilates, musculação, yoga, dança e todos os anteriores do primeiro trimestre.

Atividades na água tem impacto reduzido e ajudam na drenagem do corpo, gerando sensação de bem estar.

É hora de caprichar nas atividades cardiovasculares e também de fortalecer o assoalho pélvico, que sustentará o grande peso nos próximos meses – os músculos vão se distendendo e adaptando com o crescimento do bebe.

Nesta fase há uma maior disposição física e mental. A gestante pode se exercitar diariamente, lembrando sempre de se alimentar bem antes e depois das atividades físicas.

 TERCEIRO TRIMESTRE (27 a 40 semanas)

A barriga agora está maior, e o simples fato de amarrar um sapato já fica mais complicado.

As dores lombares podem aparecer e o peso aumenta. As caminhadas podem não ser tão agradáveis porque as articulações sofrem com impacto e, muitas vezes, os pés incham e o desconforto vem!

Isso não é motivo para estacionar, a recomendação é abusar de atividades aquáticas e treinos personalizados. Talvez a gestante não consiga mais acompanhar um grupo de treino, mas fazendo uma atividade bem direcionada o bem estar é garantido, desde eu o profissional direcione os exercícios às necessidades.

Nesta fase: mantemos o foco no fortalecimento do assoalho pélvico e musculaturas acessórias, bem como no alongamento da região.

 NO GERAL… O QUE PODE E O QUE NÃO PODE?

-Frequência cardíaca (FC) deve sempre estar abaixo de 70% do máximo. O aumento da FC provoca aumento da temperatura corporal, como o bebe fica em meio liquido, pode sentir essa alteração bruscamente;

– Impacto e treinos e circuito devem ser evitados no geral, além de aumentarem a FC, podem gerar impactos prejudiciais nas articulações, que estão mais sensíveis e deslocadas. Ocorre a abertura de quadril e frouxidão ligamentar;

– Treinos longos, treinos em jejum, exercícios em altura podem ficar para o pós-parto. Nada que coloque a saúde e integridade da mãe em risco deve ocorrer neste período;

– Não é hora de ganhar massa magra, melhorar o condicionamento físico nem emagrecer. O exercício na gestação tem intuito de manter a saúde e ajudar o bem estar da futura mamãe.

 Tudo feito com equilíbrio é só alegria. Gravidez não é doença, é saúde.

Ótimos treinos a todos!

 Elisa Pritsopoulos

Personal Trainer

Esp. Fisiologia do Exercício

CREF 1035-45 – G/SP

Instagram: ElisaPrits

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here