Mobilidade e perturbação de sossego foram os principais temas abordados no encontro com Felício Ramuth e Rogério Cyborg no Urbanova

0
2881
Prefeito Felício Ramuth-Urbanova

Olho no Olho é uma reunião segmentada, realizada pelo Prefeito nos bairros de São José

O encontro começou com a apresentação do Prefeito com um panorama geral do governo no município, ações realizadas, obras em execução, dados do orçamento, melhorias, entre outros assuntos. Em seguida, os munícipes puderam fazer perguntas com foco no bairro. Em evidência estiveram perguntas sobre o novo acesso, transporte público e perturbação de sossego. A necessidade de uma alternativa de acesso foi apontada por diversos participantes, mas o prefeito admitiu que não há prazo para execução apesar do projeto estar em estudo. O Secretário de Mobilidade Urbana, Paulo Guimarães explicou que os estudos se referem a via Noroeste, que ligaria a futura continuação da via norte pelo banhado, seguindo paralelo à Avenida Anchieta, passando pelo entorno do Esplanada do Sol. Está prevista a construção de uma nova travessia sobre o Rio Paraíba, chegando ao condomínio Alphaville, no Urbanova. O custo estimado para essa obra é de 40 milhões. O prefeito reafirmou que existem 20 milhões já depositados pelos empreendimentos do Urbanova desde 2009 como contrapartida, que podem ser utilizados somente para essa finalidade.

Felício Ramuth-UrbanovaAlgumas novidades foram anunciadas a respeito do transporte coletivo, que foi tema da nossa capa de maio. Atualmente duas linhas atendem o Urbanova (121 e 128). Segundo a Prefeitura, os 11 ônibus que circulam no bairro atendem 7.347 passageiros por dia e realizam 348 viagens no mês. No mês de maio houve uma ampliação de alguns horários de atendimento e passaram a circular no bairro ônibus articulados nos horários de pico. A principal mudança acontecerá a partir de julho quando as linhas 121 e 128 serão reprogramadas com mais horários e novos itinerários, que serão divulgados em breve. Haverá também uma oferta maior de horários aos finais de semana.

Ainda sobre mobilidade, as condições do asfalto foram questionadas. O Prefeito informou que durante seu governo o investimento em recapeamento foi baixo, mas que está previsto um programa em toda a cidade tendo em vista a necessidade de algumas vias como a Shishima Hifumi.

Outras melhorias viárias de contrapartida estão previstas como as obras do entorno do Supermercado Máximo, melhorias no asfalto nas proximidades do Villarreal Supermercado e a possibilidade de um novo retorno no entroncamento da Av. Papa João Paulo com a Shishima Hifumi (sem prazo para execução).

Durante o evento o presidente da recém constituída CAC Urbanova (Comissão das Associações e Condomínios do Urbanova) Osvaldo Magon Júnior teve a oportunidade de se apresentar e falar sobre a comissão. “A visita do Prefeito Felício ao nosso bairro foi uma ótima oportunidade para conhecermos os projetos da prefeitura que nos afetam e também de levarmos as nossas preocupações e reinvindicações. O prefeito Felício foi muito claro nas suas exposições, evitando fazer promessas que não pudessem ser cumpridas e reiterando várias vezes que a população será ouvida. Isso mostra o quanto é importante nos unirmos em nossa comissão para que nossos pleitos sejam considerados pelo poder público municipal” comentou.

Felício Ramuth-UrbanovaOutro assunto que, literalmente, tira o sono dos moradores é a perturbação de sossego, que migra frequentemente de local e incomoda inúmeras pessoas. Como ação a curto prazo o Prefeito estabeleceu o prazo de 30 dias para a instalação de placas de “Proibido Estacionar” nos principais pontos de concentração. Com essa medida, os agentes de trânsito e guardas municipais podem multar os infratores.

Tive a oportunidade de apresentar e requerer as providências necessárias para pôr fim ao terrível incômodo do som altíssimo que temos que ouvir durante a madrugada, vindo da na Rua Pássaro Preto (Alphaville). O som ecoa por diversos loteamentos e isso tira nossa tranquilidade. Além das placas de “Proibido Estacionar” também ouvimos a promessa da Guarda Municipal e Polícia Militar de se empenhar mais na solução do problema. Vamos aguardar”, contou o morador Dr. Jorge Martins.

Outros pontos de perturbação de sossego também foram citados como Parque Ribeirão Vermelho e Residencial Mônaco. Reivindicações como Posto de Saúde e Escola Municipal também foram feitas pela comunidade, sem muitas perspectivas de atendimento a curto e médio prazo.

Outra novidade foi a implantação de um Eco PEV no bairro, próximo à Sabesp, na Avenida Possidônio José de Freitas. O Ponto de Entrega Voluntária receberá restos de obras de construção (tábuas, tijolos, telhas, tubulações, pisos), móveis e equipamentos domésticos (sofás, cadeiras, geladeiras), pilhas, baterias, lâmpadas fluorescentes inteiras, restos de poda, tinta e óleo de cozinha. A previsão é que o PEV seja inaugurado no segundo semestre deste ano.

Esse evento mostrou que o Urbanova realmente está se unindo em busca de melhorias. Fiquei satisfeito com a participação e produtividade do encontro”, comentou o vereador Rogério Cyborg.

Pudemos levantar os pontos de vista sobre o futuro da região. Olhando olho no olho podemos entender melhor a comunidade. Trabalhamos em questões pontuais, trouxemos grande parte de nossa equipe e apresentamos algumas decisões rápidas como a implantação das placas e aumento dos horários dos ônibus. Vamos trabalhar agora nos demais assuntos”, disse o Prefeito Felício Ramuth.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here