Nossas crianças brincam na rua!

0
822
Crianças-Urbanova

Crianças que brincam são mais criativas, sociáveis e felizes

A maior parte das famílias que procuram o Urbanova para viver, escolhem o bairro em busca de qualidade de vida! O bairro tem clima de interior, muito espaço dentro dos loteamentos fechados e segurança para brincar na rua. Embora haja riscos por conta da velocidade dos carros, há muito mais vantagens em brincar fora de casa do que se imagina!

A psicóloga Luciane Felippo explica que “as crianças têm sido privadas de experimentar esse mundo tão lúdico que é a “brincadeira de rua”. Os pais com seus temores têm deixado as crianças cada vez mais limitadas em seus espaços físicos. Brincar na rua auxilia no desenvolvimento cognitivo, emocional e ainda estimula as relações interpessoais”.

Toda brincadeira possui regras que são estabelecidas e respeitadas por aqueles que participam. Ao brincar socialmente, características são atribuídas pelas crianças representando papeis e identificando interações da sociedade onde vivem.

Apesar de ser muito difícil deixar de lado as telas dos computadores, celulares e tablets, estimular os sentidos sensoriais das crianças que brincam ao ar livre auxilia no desenvolvimento das habilidades físicas, emocionais e sociais. Atividades como: correr, jogar bola, andar de bicicleta, tomar sol, inventar brincadeiras ou construir “castelinhos” na areia dos parquinhos fazem bem a qualquer criança! Outra vantagem é a possibilidade de os pais interagirem com as crianças, brincar junto, ensinar brincadeiras tradicionais e, com isso, garantir momentos especiais em família.

A moradora do Urbanova Paula Coelho, mãe da Bruna Coelho (13), Rafaela Coelho (10) e Ítalo Coelho (6), acha ótimo os filhos brincarem ao ar livre, “é muito saudável, muito positivo e porque estimula a criatividade, exercita o corpo, gasta energia e desenvolvem habilidades”.

Crianças-UrbanovaA moradora do bairro Tatyana Godoy, comenta que se mudou de São Paulo para cá, justamente para proporcionar essa liberdade para os filhos João Godoy (6) e Bernardo Godoy (2), “A liberdade que se tem em “viver” na rua com seus amigos, os tornam pessoas mais fortes, mais seguros para tomar decisões. Se aventurar pelo condomínio criando brincadeiras de forma lúdica, os tornam mais criativos, flexíveis e independentes”.

Paula Coelho, complementa “é muito importante as crianças interagirem entre si. Perdem a timidez, se comunicam com mais facilidade, aprendem com o outro, ensinam, aprendem a dividir, a perder, a ganhar e a esperar a vez”. E acrescenta, “para mim crianças que brincam ao ar livre são mais felizes! ”.

A socialização com outras crianças é importantíssima, como comenta Tatyana Godoy, “aprendem que pessoas são diferentes, que precisamos saber dividir experiências. Nem sempre a brincadeira que ele propôs será a escolhida, mas não por isso, deixará de ser legal. Trocam experiências sem mesmo entender o quanto isso é importante para o desenvolvimento deles e para torná-los adultos melhores”.

Colônia de férias: alguns loteamentos promovem colônias de férias com programação especial para a criançada! Consulte a administração do seu condomínio e informe-se!

“Vamos estimular nossas crianças a brincarem na rua, com uma dose de limite e bom senso por parte dos pais, isso é possível. Devemos incentivar nossas crianças serem cada vez mais criativas e menos internautas. Infância com qualidade com certeza é uma infância muito mais feliz”, recomendou a psicóloga Luciane Felippo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here