Novo capítulo na novela da implantação do Parque Ribeirão Vermelho

0
804

Novo capítulo na novela da implantação do Parque Ribeirão Vermelho

Informações desencontradas confundem a população

(Novembro de 2015)

Uma vistoria realizada pela CETESB (Companhia Ambiental do Estado de São Paulo) na obra do Parque Ribeirão Vermelho no início deste mês constatou irregularidades ambientais que podem resultar em sanções administrativas à Prefeitura Municipal de São José dos Campos e, evidentemente danos irreparáveis à Área de Preservação Permanente. O órgão identificou, ainda que as obras estão acontecendo sem Licenciamento Ambiental.  O COMAM ( Conselho Municipal de Meio Ambiente) solicitou esclarecimentos à Secretaria de Obras quanto a inexistência do licenciamento e, se confirmada a falta deste documento, pedirá a paralisação imediata até que todas as licenças sejam aprovadas e liberadas.

12226976_1254073841275777_2829250040291596212_nA Secretaria de Obras informou por meio de nota que a intervenção ocorreu em menos de 1% de uma área verde, pertencente ao
município, onde foi feita a limpeza da vegetação rasteira. “Não houve corte de árvores ou início de qualquer tipo de construção, conforme constatado pelos técnicos da Cetesb”, argumentou a Secretaria.

 

Já a CETESB aponta a ocorrência de supressão de vegetação nativa pioneira sem a devida autorização.

A Secretaria de Meio Ambiente se isentou do problema e não forneceu informações oficiais a nossa reportagem.

A Secretaria de Obras negou a interdição e garantiu que as obras de implantação do Parque estão “a pleno vapor” e continuarão em ritmo acelerado nos próximos dias.

“Esse desencontro de informações é decorrente do viés eleitoreiro, a prefeitura tenta promover a todo custo uma obra numa região que tem outros problemas urgentes para serem resolvidos”, disse o morador André Augusto.

As obras continuam: A Prefeitura aproveitou a oportunidade para informar que duas das três quadras em construção no local já receberam o contrapiso de concreto e mais de 500 metros de calçada estão concluídos.
Em alguns dias, será iniciado trabalho de fundação das edificações do
lado sul do parque, incluindo área administrativa, vestiários e
lanchonete.

Sobre o Parque: a implantação do Parque Ribeirão Vermelho foi anunciada em 2011, diversos problemas aconteceram durante este período e somente no dia 06 de julho deste ano as obras começaram. O prazo de entrega do centro de lazer à população é julho de 2016. E você, acredita nisso? Dê sua opinião em nosso site ou por nossa página no facebook: facebook.com/revistaurbanova.

 

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here