Obrigatoriedade no uso de máscara nas ruas e comércios ainda é ignorada por muitas pessoas

0
317

O final de semana no Urbanova foi marcado por muitas denúncias de pessoas sem máscaras nas ruas e comércios. Os praticantes de atividades ao ar livre lideraram as queixas. Grupos reunidos próximo ao Parque Ribeirão Vermelho chamaram atenção com relatos de aglomeração e ausência de máscaras.

Também houve concentração de pessoas próximo ao AlphaVille e no Adegão. O Parque Ribeirão Vermelho continua sendo invadido e as quadras continuam sendo utilizadas, mesmo com o parque oficialmente fechado.

O médico e vereador Dr. Elton Jr. publicou um vídeo em suas redes sociais com imagens do Adegão, localizado na Avenida Shishima Hifumi. O local estava cheio de jovens, todos sem máscara. Ele alertou sobre o risco de essas pessoas levarem a contaminação para seus familiares. “Na semana passada, na UTI onde trabalho perdemos um jovem de 33 anos e, em outro hospital uma jovem que trabalhava em um serviço de saúde. Os jovens precisam saber que também podem ter um desfecho ruim”, disse o médico.

Segundo dados da Secretaria de Saúde de São José dos Campos, o Urbanova é o segundo bairro com mais casos de coronavirus na cidade, com 26 pessoas infectadas.

Alguns ciclistas e corredores alegam que o uso de máscara durante o exercício pode ser prejudicial. A médica do esporte, nutróloga e ortopedista Dra Lenina Matioli em um post em suas redes informou que a fisiologia é deixar o fluxo de ar totalmente livre, entre o meio externo, a boca e as narinas. Ao fazer exercício é natural que aumente a necessidade de captar o oxigênio e exalar o gás carbônico. Quando há obstrução parcial do fluxo de ar, há menos oxigênio, chegando aos pulmões e menos gás carbônico saindo. “Você tem duas situações antagônicas: necessidade aumentada de ar pelo exercício e obstrução da circulação do ar pela máscara. Essa condição diminui desempenho na corrida, porque diminui a troca gasosa, aumenta o trabalho dos músculos respiratórios e você precisa se esforçar mais para puxar e soltar o ar. Então podemos dizer que a máscara atrapalha”

Ela ressaltou que: para os mais condicionados, é provável que os treinos mais leves e de máscara não causem nenhum desconforto. Para os poucos condicionados, se não fez exercícios até agora não é hora de começar. Espere a pandemia passar e, aí sim comece, sem máscara e sem risco de desconforto.

A médica concluiu que, mesmo que cause um pouco de incômodo o uso da máscara é muito importante e recomendou que, caso você não consiga treinar de máscara, é melhor não treinar.

O uso de máscara é obrigatório no município e as denúncias podem ser feitas no 153 ou 190. O decreto não isenta ninguém do uso.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here