Programa de rastreamento do câncer de intestino acontece no Vale Sul Shopping

0
866
Revista Urbanova
O intestino inflável marcará o lançamento do programa de rastreamento de câncer colorretal - Foto: Ilustração

No dia 13 de setembro, a Prefeitura de São José dos Campos em parceria com a Abrapreci (Associação Brasileira para Prevenção do Câncer de Intestino) lança o programa de rastreamento do câncer de intestino. O evento acontece no Vale Sul Shopping, a partir das 10h, ocasião em que será apresentada uma réplica ampliada do intestino grosso gigante, com as alterações mais comuns, para conhecimento, visualização e sensibilização dos visitantes.

Além de ampliar a oferta de serviços, o programa tem o objetivo de sensibilizar a população sobre o risco do câncer colorretal, através de campanhas educativas.

O programa de rastreamento do câncer intestinal integra as ações do Previna, lançado pela Prefeitura em 2018 com o objetivo de organizar a rede de oncologia do município, mediante a necessidade de avaliação individualizada dos pacientes com diagnóstico ou suspeita de câncer para priorização de casos mais urgentes.

Desde o lançamento do programa, houve um aumento de 30% nos procedimentos para pacientes que fazem tratamento para câncer na rede pública de saúde do município.

A doença

Com o envelhecimento da população houve aumento na incidência do câncer do intestino (cólon e reto), sendo hoje a segunda causa de mortalidade nos países desenvolvidos. Isso também está ocorrendo em países em desenvolvimento como o Brasil. O INCA (Instituto Nacional do Câncer), em sua publicação de 2018, mostrou que esse tumor é o terceiro mais frequente nos homens e o segundo nas mulheres, após os 50 anos.

A maior chance de cura do câncer colorretal ocorre quando é diagnosticado na sua fase inicial. Por isso, os exames para rastreamento devem ser feitos em pessoas assintomáticas.

O projeto

O exame de rastreamento para o câncer colorretal é feito através da pesquisa de sangue oculto nas fezes, em pacientes acima de 50 anos, de ambos os sexos. A pesquisa já é oferecida como rotina em todas as Unidades Básicas de Saúde para os pacientes acima de 50 anos.

Todas as pessoas acima desta faixa etária devem procurar as UBSs para realizar a triagem e fazer os exames de prevenção da doença. Quando o resultado do exame apresentar positivo, o paciente será encaminhado para a colonoscopia, sendo que o tempo médio entre a pesquisa de sangue oculto e a realização do exame será de até 30 dias.

Nos casos em que for diagnosticado câncer de intestino, os pacientes serão submetidos ao tratamento cirúrgico, quimioterápico e/ou radioterápico de acordo com a avaliação clínica.

Atualmente, a Prefeitura disponibiliza por mês cerca de 190 exames de colonoscopia. Com o projeto, serão mais 260 exames, que serão feitos exclusivamente no Hospital Municipal para os pacientes que apresentam positividade na pesquisa de sangue oculto.

Em 2018, foram realizados na rede pública 22.715 exames de pesquisa de sangue oculto em pacientes acima de 50 anos, sendo 14.268 mulheres e 84.47 homens, além de 2.780 colonoscopias.

A Secretaria de Saúde e a Abrapreci preveem um grande impacto social com o projeto, pois haverá uma maior conscientização da população em relação ao exame preventivo de câncer, um alerta aos hábitos alimentares, além de aumentar a chance de cura para algo em torno de 90% devido à detecção precoce da doença.

Intestino gigante

O Intestino Gigante ficará exposto de 13 a 20 de setembro e marcará o início do projeto. O “Intestinão” permite que o visitante tenha uma experiência interativa, caminhando, sob a supervisão de monitores, no interior de uma instalação que simula o intestino grosso.

A circulação do público é feita através de um túnel inflável de 2,5 de diâmetro largura, formando um corredor contínuo da entrada até a saída. O visitante literalmente anda por dentro do intestino.


Exposição do Intestinão
13 a 20 de setembro
Segunda a sábado das 10h às 22h
Domingo das 14h às 20h

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here