Os cuidados na mudança de escola

0
25

Por Leida Pedrote

Antes de resolver mudar seu filho de escola é necessário olhar com cuidado para alguns pontos:

1- A relação entre seu filho e a escola não vai bem?

2- Suas notas estão baixas?

3- Ele está desmotivado e infeliz?

Se a resposta a esses questionamentos for SIM, neste caso a mudança pode ser necessária.

Antes de começar a procurar outra escola, os pais precisam considerar que:

* Os pais sempre querem para seus filhos um lugar muito acima da média, o que nem sempre é possível.

* Qual é o perfil do aluno? Se seu filho vive mais o mundo das ideias, da imaginação, pode se dar melhor em uma escola construtivista. Mas, se tem boas notas, a questão não é a metodologia.

* Comportamentos extremos – quando isso acontece, é preciso investigar se o mau desempenho não é consequência de uma dificuldade de aprendizagem real, como DISLEXIA ou TDAH.

* Abandone o drama – se seu filho não vai bem em nada e está muito infeliz, é preciso identificar o que ele não gosta sem, no entanto, estimular o sofrimento. É preciso identificar os pontos de conflito pois pode ser que na escola nova ele apresente os mesmos problemas.

* Solução ou fuga – por fim, avalie se a mudança de escola é um imperativo ou se você está tirando do seu filho a oportunidade de aprender, se adaptar melhor, resolver problemas e ser feliz. Não há escola perfeita e nem alunos perfeitos.

Antes de tomar qualquer decisão, é importante que os pais ouçam a escola. É preciso sempre conversar para buscar uma solução conjunta e evitar essa atitude mais radical que envolve uma adaptação muito maior.

O mais importante no olhar do aluno é se sentir acolhido e pertencer a um grupo.

Leida Pedrote dos Santos tem 40 anos na área de Educação e é diretora do Colégio Futura Geração

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here